Fechar rede
Siga-nos
Governo do Estado do Rio de Janeiro
Menu
Home Busca Menu Redes
Semana da Saúde na Baixada: primeiro dia teve mais de 3.300 atendimentos para a população de Nova Iguaçu 11/11/2022 Semana da Saúde na Baixada: primeiro dia teve mais de 3.300 atendimentos para a população de Nova Iguaçu Ação da Secretaria de Estado de Saúde tem estande para doação de sangue e uma série de serviços como consultas com urologistas, exames de PSA e mamografia

No primeiro dia da Semana da Saúde de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, evento da Secretaria de Estado de Saúde, foram realizados 3.305 atendimentos. Foram 800 testes de hepatites B e C, HIV e sífilis; 480 exames de PSA, para identificar câncer de próstata; 1.552 testes para aferição de pressão arterial, medição de glicose e avaliação da composição corporal; e 130 ultrassonografias com mamografias. No estande do Hemorio, 93 pessoas doaram sangue. A terceira edição do evento acontece também amanhã (11/11), das 8h às 16h, na Praça Rui Barbosa, no Centro de Nova Iguaçu.

A novidade desta edição foi o retorno do mamógrafo móvel, que está realizando exames de mamografia e ultrassonografia para pessoas agendadas previamente pela Secretaria de Saúde de Nova Iguaçu. Não há distribuição de senha no local para esses dois exames.
Outro serviço que está disponível é um exame que avalia o risco de uma pessoa sofrer um AVC. O equipamento mede a pressão arterial e avalia o ritmo do coração para rastrear fibrilação atrial, a arritmia mais comum e que pode levar ao AVC.

- A Semana da Saúde já se consolidou como um evento de referência em saúde pública no nosso estado. Nos próximos dias, a população da Baixada Fluminense vai ter acesso a serviços importantes de forma gratuita e ainda vai contribuir com doação de sangue, reforçando os estoques que estão em queda. É uma oportunidade única de cuidar de si e fazer o bem ao mesmo tempo – declarou Cláudio Castro, governador do Estado do Rio de Janeiro.

Durante o evento, são oferecidas 500 senhas diárias para consultas com urologistas e teste de PSA, mais de mil vagas para aferição de pressão e medição de glicose, e senhas para testes de hepatite, sífilis e HIV. As senhas começam a ser distribuídas às 7h, e o número de atendimentos é limitado às senhas distribuídas.

– A Semana da Saúde é uma das maiores ações de saúde pública realizadas ao ar livre no estado. Queremos chamar a atenção da população para a importância de se adotar hábitos saudáveis, da prevenção de doenças e da doação de sangue. Esta é a terceira edição que ocorre na Baixada Fluminense. Na última, em 2021, foram mais de 15 mil atendimentos realizados – ressaltou o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

Marco Antônio Viana da Silva, de 52 anos, auxiliar de manutenção e morador do bairro Ipiranga, chegou cedo à Praça Rui Barbosa e conseguiu pegar a senha número 1 para realizar o exame de PSA.

- Nunca tinha feito antes. Mas sei que é importante me cuidar. Tem muita gente que não faz exame e não descobre a doença a tempo – comentou ele, que aproveitou a Semana da Saúde para fazer ainda outros exames.

Celina Aparecida Rodrigues, de 66 anos, levou o marido, Paulo Roberto Pereira, de 70 anos, para fazer o exame de PSA. E aproveitou para também cuidar da sua saúde.

- Meu marido está com dificuldade de urinar e teve pedra no rim. Viemos aqui porque ele precisa de atendimento. Temos que aproveitar - disse Celina.

O Hemorio tem um posto de coleta de sangue montado para o evento. Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais e devem ter ainda um documento de identidade do responsável. Não é necessário estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem à doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes.

Houve ainda distribuição de 300 mudas de plantas nativas da Mata Atlântica doadas pelo projeto Replantando Vida, da Cedae. O projeto mantém sete viveiros de espécies usadas na recuperação das matas ciliares de rios dos quais a Cedae capta água e doadas a órgãos que participam de projetos de reflorestamento e ações ligadas ao meio ambiente. Em 2021, mais de 95 mil mudas foram distribuídas a 44 municípios.

Saúde do homem

Para marcar o Novembro Azul, mês de prevenção ao câncer da próstata, a ação conta com uma estrutura dedicada à saúde do homem, na qual os visitantes participam de palestras e podem passar por consulta com especialista e exames de PSA para investigação de tumores na próstata. Para realizar o atendimento, é preciso ter mais de 50 anos ou histórico de casos de câncer de próstata na família.

Mamógrafo Móvel

O Mamógrafo Móvel disponibiliza exames digitais de mamografia e ultrassonografia a pacientes do Sistema Único de Saúde. Os exames duram aproximadamente 20 minutos. O resultado dos exames será entregue pela Secretaria Municipal de Saúde no Centro de Apoio e Valorização da Mulher (CAV Mulher), na Rua Nossa Senhora de Fátima 70, em Nova Iguaçu.

Parcerias

A ação é realizada por meio de uma parceria entre a SES e a Prefeitura de Nova Iguaçu, com apoio da Rádio Tupi, Drogarias Venancio, Hemorio, Cruz Vermelha Brasileira e da Águas do Rio, que além de instalar um bebedouro no local, leva equipes para oferecer serviços como atualização cadastral, cadastro para novas ligações de água, renegociação de débitos, emissão de segunda via de conta, troca de titularidades. Há também atividades lúdicas com o tema saneamento para o público infantil.

Confira as imagens da Semana da Saúde
https://drive.google.com/drive/u/3/folders/1CG21Nj0JkNPWdaeocP0S-SS1576xx-1m

 
 
Telefones úteis